• Palanque do Zé #126 - A Posse dos Eleitos e o Fiel da Balança

    730 Jornal A Bigorna 03/01/2021 09:50:00

    Palanque do Zé

    A Posse dos Eleitos para o novo mandato foi presencial em Avaré, mas o público não pode lotar a Sede do Legislativo como de costume, em razão dos protocolos sanitários impostos pela pandemia do COVID-19.

    Assim, só restou aos interessados pelo assunto acompanhar os trabalhos pelos canais oficiais da Câmara Municipal na internet, o que não foi de todo ruim, apesar de a transmissão ter deixado um pouco a desejar. Perdemos, por exemplo, o momento de juramento do Prefeito Joselyr Benedito Costa Silvestre (PTB), da Vice, Bruna Maria Costa Silvestre (PSB) e de vários Vereadores, dos quais ouviu-se apenas a voz.

    A Sessão, que foi presidida pelo Vereador Roberto Araújo (PTB), que ocupou o posto em razão de ser a pessoa com mais mandatos - essa é a sexta vez consecutiva que ele assume uma cadeira na Câmara - logo foi convertida de Solene para Especial, para que fosse eleita a Mesa Diretora que comandará o biênio 2021/2022.

    A disputa pela Presidência ficou entre Adalgisa Ward (PSD), que obteve 6 votos contra 7 de Flávio Zandoná (Cidadania). Roberto Araújo foi quem desempatou a seu favor.

    A Vice-Presidência será ocupada pelo próprio Roberto Araújo, que foi eleito por unanimidade.

    Também houve disputa acirrada para as Secretarias. Carlos Wagner (PSD) teve 6 votos e perdeu para Ana Paula (Republicanos), que foi a escolhida por 7 pares para ser a Primeira Secretária, enquanto Maria Isabel (PSL) obteve 6 votos e perdeu a disputa para Carla Flores (MDB), que com 7 votos será a Segunda Secretária. Vale lembrar que, também nessas disputas, Roberto Araújo foi o fiel da balança.

    Importante dizer que o grande vitorioso da noite foi o Prefeito Jô Silvestre, que ganhou todas graças ao apoio de Flávio Zandoná, que apesar de ter sido eleito pela Oposição, mostrou bastante afinidade com o Governo nessa primeira Sessão.

    Não há quem negue que o grande responsável por esse resultado favorável ao Paço Municipal foi Roberto Araújo, que conhece como ninguém os meandros, regras e costumes da política municipal.

    Finalmente, para encerrar essa coluna, deixo aqui meu elogio público para a novata Carla Flores (MDB), que demonstrou conhecimento de “como se joga o jogo” e, apesar de ser a única integrante do partido na Casa de Leis, conseguiu participar da Mesa Diretora e de diversas Comissões. Não resta dúvidas de que a Advogada tem o perfil necessário para passar muitos e muitos anos associada ao Parlamento local.

    OUTRAS NOTÍCIAS

    veja também