Vereador fala de pintura de postes, defende pastores e pede mais seriedade a Jô Silvestre

A Bigorna 06/07/2020 20:00:00 1111 visualizações
# legenda: Política

O vereador do PRTB, Toninho da Lorsa, na Sessão de Câmara desta segunda-feira, 06, chamou a atenção para o que muitos internautas vêm se manifestando nas redes sociais: os gastos com pinturas de postes, que vem ocorrendo desde o início do governo Silvestre.

“Fui questionado várias vezes sobre as pinturas em postes e os gastos realizados. O que nós vamos fazer? Desde 2017 já entramos juntos ao MP (Ministério Público) para ser suspensa a pintura de postes. Infelizmente não fomos atendidos. No TCE foi apartado. Temos trabalhado sim contra isso. Nossa briga ou reclamação é antiga, ao contrário de alguns que ficaram calados por anos e agora vem criticando. Tecei críticas aos gastos que continuam sendo realizados, mesmo com a crise econômica, que já foi matéria no Jornal do Ogunhê em 2017."

Sobre a fase vermelha de Avaré, o parlamentar destacou que foi realizado os trâmites errados. “Foi feito tudo errado. Entraram na Comarca de Avaré. Pega o carro, levanta do sofá e vai até o governo. Se o governo negar, vai no Tribunal de Justiça. Errou. Tinha que ter feito um plano e levado, somente depois ingressado na Justiça”.

Reunião-  Sobre uma reunião e um vídeo onde um pastor declara que esteve em reunião com outros pastores sobre a reabertura das igrejas e causou um mal estar, ao ver o pastor dizer que Silvestre liberaria os cultos, o vereador frisou que Jô Silvestre não esteve na reunião, e que ao mandar um representante e falar que estava solidário para a reabertura das igrejas e, depois, o secretário desmentir o pastor é uma falta de seriedade.

“Para piorar faz uma reunião com 50 pastores, não vai, faz outro ir no lugar, dá entender que os pastores poderão abrir as igrejas e depois um secretário vai lá e desmente. As pessoas estão afastadas da religião. A igreja é muito importante, a porta pode estar aberta e a pessoa ir conversar com o pastor. Aí vem uma palhaçada desse e fala que vai abrir as igrejas e depois desmente. Fazer um negócio pra fazer ‘vista grossa’, não é certo”.- criticou o vereador

Para o parlamentar, a população além de estar sofrendo com a doença, também está sofrendo com a economia. “No sábado numa rápida passagem que fiz, encontrei muitas pessoas pedindo ajuda. Às vezes uma porta de igreja aberta pode ajudar estas pessoas. Vamos tratar isso com mais carinho não vamos deixar por conta e risco delas. Faço um decreto e flexibilize isso”.- destacou Toninho.

 

Contato:

WhatsApp (14) 9.9705-7070
Fone: (14) 9.9705-7070
Email: contato@jornalabigornaavare.com.br