Palanque do Zé #78 - Propaganda de Xampu

Zé Renato 13/05/2020 20:10:00 345 visualizações

"Já imaginou se existisse um ativo que deixasse o cabelo mais sedoso, brilhante e que ainda conseguisse fortalecer, hidratar e ajudasse a estimular o crescimento das madeixas?

Pois é, ele existe e é velho conhecido de todas as mulheres: a Babosa.

E são tantos benefícios que a Babosa possui que Novex resolveu trazer para você e seus cabelos o SuperBabosão, que além de tudo que já foi falado aqui ainda ajuda a reduzir a queda, recupera os cabelos quebradiços, nutre profundamente os fios, tem ação condicionante e deixa as madeixas incrivelmente lindas e tratadas.

Então, tá esperando o quê?

Você quer Babosa?

Então toma, poderosa!"

É exatamente isso o que está escrito na embalagem do "SuperBabosão", um creme de tratamento capilar da linha Novex, a principal da Embelleze, que é uma empresa brasileira que fabrica produtos de beleza.

Fundada em Nova Iguaçu, no Estado do Rio de Janeiro, a companhia também possui centros de distribuição na cidade do Rio de Janeiro e em Portugal, Estados Unidos, Venezuela, Panamá e Colômbia.

Gostaria de ressaltar que o texto acima é só um dos inúmeros exemplos que encontrei para fundamentar o pensamento abaixo.

Tenho percebido, nos últimos tempos, que algumas marcas de produtos de beleza se valem de expressões apelativas para vender seus produtos, sobretudo aqueles voltados para as adolescentes.

"Você poderosa", "cabelo desmaiadérrimo" e "Pronta para brilhar" são apenas algumas das afirmações que tenho visto nessas embalagens.

Fora as que prometem recuperar "os danos dos últimos dois anos com apenas algumas aplicações" e por aí vai.

Talvez se você for mulher, isso não te cause nenhum espanto e seja assunto velho. Mas na minha visão masculina e desligada desses aspectos da vida feminina, acredito que os órgãos reguladores das propagandas deveriam se atentar mais aos rótulos de produtos de beleza, por fazerem promessas inatingíveis e por induzir as consumidoras a erro.

---

PS:

Já que estamos polemizando, vamos lá!

Xampu, champô ou shampoo?

Todas as formas estão corretas! Se você estiver no no Brasil, é xampu.

Se estiver em Portugal, é champô.

E se estiver em um país de língua inglesa, será correto shampoo!

Contato:

WhatsApp (14) 9.9705-7070
Fone: (14) 9.9705-7070
Email: contato@jornalabigornaavare.com.br