Após denúncia de funcionária pública, prefeito de Avaré será investigado pela Câmara

A Bigorna 19/11/2018 23:50:00 13813 visualizações
# legenda: Política

O prefeito do PTB, Joselyr Benedito Costa Silvestre terá um fim de ano trabalhoso, já que terá que responder a uma Comissão Processante por ter infringido decreto-lei que prevê a ‘falta de decoro’, por supostamente ter perseguido uma funcionária pública.

Silvestre filho foi acusado pela funcionária pública municipal, Priscila Canovas por suposta falta de decoro, após ter trocado mensagens com a secretária de Indústria e Comércio, via Watssap mandando que a funcionária fosse transferida de setor, já que de acordo com a acusação teria chegado ao conhecimento do prefeito, que, supostamente o ex-vereador Jair Canovas estaria criticando sua administração.

Depois de horas de discussão entre os vereadores que apoiam o prefeito e os vereadores da oposição, a votação em clima tenso aprovou a CP.

Os vereadores da oposição votaram favorável a formação da CP, enquanto a base do prefeito votou contra, ficando em 7 X 6, e sendo aprovada a investigação contra Silvestre Filho.

Com isso, o prefeito, bem como todas as pessoas que estiverem relacionadas nas denúncias deverão ser ouvidas pela Comissão formada na noite desta segunda-feira (19).

A CP tem prazo o de 90 dias para ser concluída.

Contato:

WhatsApp (14) 9.9705-7070
Fone: (14) 9.9705-7070
Email: contato@abigorna.com.br